Livro revela vida franciscana de fundador da rede de supermercados Arco-Mix

O jornalista José Ambrósio ouviu mais de 50 pessoas ára contar a história do fundador do grupo Arco-Mix

Da janela da casa em que moravam o pequeno negócio foi transferido para o Mercado da Farinha. Após 17 anos de trabalho o box já era o maior do Mercado da Farinha, mas a família precisava de mais espaço e, em 1981, inaugurou o primeiro supermercado Arco-Íris (hoje Arco-Mix ), na Rua Dr. Antônio de Souza Leão, no centro do Cabo de Santo Agostinho.

A janela alargou-se ainda mais e atualmente a rede de supermercados Arco-Mix emprega 2.100 colaboradores diretos distribuídos por 22 lojas em oito cidades da Região Metropolitana do Recife, incluindo a Capital, Recife.

Foi assim agindo ao lado de 40 famílias que trabalhavam e moravam no antigo Lixão da Pista Preta que Armínio Guilherme dos Santos obteve a admiração, o respeito e o carinho daquela gente humilde. Famílias que ao conquistarem um lugar para morar com dignidade – mesmo em barracos feitos com tábuas e lonas plásticas inicialmente -, próximo ao lixão, retribuíram a ajuda recebida adotando o seu nome, modificado carinhosamente para Armínio da Paz.

Natural do município de Nazaré da Mata (Mata Norte), onde nasceu em 1928, Armínio Guilherme dos Santos chegou ao Cabo de Santo Agostinho na segunda metade da década de 1950.

Vida simples do dono do Arco-Mix

O homem humilde, de hábitos simples, mas que tinha um grande coração, como atestam as mais de 50 pessoas que com ele conviveram e foram ouvidas pelo jornalista José Ambrósio dos Santos para a produção deste livro.

Armínio Guilherme morreu no  dia 27 de novembro de 1995, no Cabo de Santo Agostinho, aos 67 anos de idade.

O prefácio do livro Armínio da Paz é assinado pelo Monsenhor José Albérico Bezerra de Almeida, que em 1985 assumiu como pároco da igreja matriz de Santo Antônio. Na época, Armínio Guilherme dos Santos participava intensamente das ações sociais e evangelizadoras da matriz, o que incluía a evangelização na Rua das Florentinas, que concentrava os antigos prostíbulos – localizada no centro da cidade.

Sobre o autor

José Ambrósio dos Santos é jornalista graduado pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap). Natural de Vitória de Santo Antão, Chegou ao Cabo de Santo Agostinho aos 15 anos de idade.

Autor dos livros Rádio Calheta FM – 20 anos fazendo valer os direitos do povo cabense (2019); Douglas Menezes, um operário das letras (2022), e A mãe de Juçaral (2023). É integrante da Academia Cabense de Letras.

SERVIÇO:

Lançamento do livro Armínio da Paz.

Dia: 23.05.2024

Hora: 17h às 19h

Local: Hotel Intercity do Shopping Costa Dourada

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O EDITOR
Márcio Didier

Márcio Didier é jornalista, formado pela Universidade Católica de Pernambuco, com passagens pelo Jornal do Comércio, Blog da Folha e assessoria de comunicação

ANUNCIE AQUI
Galeria de Imagens
Mande sua pauta e se cadastre
Enviar via WhatsApp