Raquel Lyra destaca potencial de desenvolvimento sustentável de Pernambuco

A governadora Raquel Lyra comandou, nesta terça-feira (23), no cinema do Porto Digital, Bairro do Recife, a abertura do Fórum Powershoring: Transição Energética e Neoindustrialização de Pernambuco. O evento, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (SDEC), em parceria com o Banco de Desenvolvimento da América Latina e Caribe – CAF; a International Finance Corporation – IFC; e o Instituto Clima e Sociedade – iCS, teve como objetivo traçar caminhos para a materialização e aceleração de investimentos em atividades produtivas e empresariais de baixo carbono no Estado.

“O mundo enxerga o Brasil como um grande celeiro de oportunidades, dialogando com a economia verde. Desta forma, Pernambuco se posiciona de maneira muito importante, enquanto temos um grande potencial de desenvolvimento de energia sustentável que já está em implantação no Estado”, destacou Raquel Lyra.

Para a governadora, Pernambuco é um referencial para investimentos, não só no Brasil, mas no mundo.

“A partir de plantas de energia solar, eólica, energia hidráulica, transição energética, e da utilização mais extensiva do gás com a expansão da Copergás em áreas de desenvolvimento estratégico para o nosso Estado. Além disso, o nosso diferencial logístico no Porto de Suape, com planta para o desenvolvimento industrial e a garantia de conexão com o mundo inteiro”, reforçou a chefe do Executivo.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Guilherme Cavalcanti, o encontro visa estimular o diálogo para a construção de planos de ação para a efetivação de investimentos verdes no Estado.

“Algumas dessas cadeias produtivas que se posicionam muito no futuro, como o hidrogênio verde, já têm elos que são viáveis economicamente no presente. Estamos olhando a produção de amônia, de e-metanol, de aço verde. É nesse trabalho que estamos focando para atrair novas empresas para o Estado”, ressaltou Guilherme Cavalcanti.

A secretária de Meio Ambiente, Sustentabilidade e Fernando de Noronha, Ana Luiza Ferreira, destacou que a transição energética está na agenda do mundo.

“Estamos apostando muito firmemente nessa transição que, de forma muito estruturada, já começa a mostrar resultados, trazendo para perto parceiros que vão ser essenciais para Pernambuco chegar onde estamos projetando”, comentou.

Presente no evento, o executivo responsável por operações da International Finance Corporation (IFC), Diogo Bardal, enfatizou que a IFC está focada em desenvolver investimentos em Pernambuco e na região Nordeste.

“Vemos novas oportunidades de investimentos sustentáveis em áreas consideradas difíceis de reduzir as emissões como cimento, vidro e aço. Nos últimos dois anos, metade dos investimentos próprios da IFC no Brasil foram alocados para projetos relacionados ao clima e continuaremos com um foco estratégico de impulsionar e mobilizar financiamentos climáticos”, afirmou.

Também participaram do evento a diretora executiva do Instituto Clima e Sociedade, Maria Netto Schneider; e o vice-presidente para o setor privado no Banco de Desenvolvimento da América Latina – CAF, Jorge Abarche.

Foto: Miva Filho/ Secom

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O EDITOR
Márcio Didier

Márcio Didier é jornalista, formado pela Universidade Católica de Pernambuco, com passagens pelo Jornal do Comércio, Blog da Folha e assessoria de comunicação

ANUNCIE AQUI
Galeria de Imagens
Mande sua pauta e se cadastre
Enviar via WhatsApp