Simão Durando decreta luto de 3 dias pela morte do empresário Rafael Coelho

O prefeito de Petrolina, Simão Durando, manifestou pesar pelo falecimento do empresário e vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe), Rafael Coelho. O óbito foi confirmado neste sábado (27).

Filho de Augusto Coelho e Mariza Coelho, Rafael foi um defensor entusiasmado do Vale do São Francisco e atuou em diversas frentes em busca do desenvolvimento da sua região. Foi no setor industrial, na direção do Curtume Moderno, que Rafael Coelho deixou sua maior marca, promovendo a geração de empregos e fortalecimento da economia do Vale do São Francisco.

Em virtude dos imensos serviços prestados pelo respeitado empresário ao povo petrolinense, o prefeito Simão decretou três dias de luto oficial na cidade.

Prefeito de Petrolina, Simão Durando, lamentou a morte de Rafael Coelho Foto: Divulgação

“Recebemos com imensa tristeza a notícia da morte de Rafael Coelho. Ele foi um homem atuante e marcou a história na indústria petrolinense. Hoje, saudamos Rafael como defensor e entusiasta da economia e geração de renda e empregos na cidade. Que o seu legado continue vivo e inspirando as gerações futuras. Expresso minha solidariedade aos familiares, em nome de Dr. Augusto Coelho, bem como aos amigos neste momento de tão profunda dor. Que Deus console os corações e traga a força necessária para este momento tão difícil. Rafael estará sempre vivo em nossas lembranças, história e orações”, lamentou o prefeito Simão.

Homenagem da família Coelho

Abalados pela perda do empresário Rafael Coelho, o ex-senador Fernando Bezerra Coelho, o deputado federal Fernando Filho, o deputado estadual Antonio Coelho e o ex-prefeito Miguel Coelho emitiram uma nota lamentando o falecimento.

“Estamos profundamente abalados pela partida precoce de Rafael. Toda nossa família sente muito essa perda e temos convicção de que Petrolina também chora essa despedida de alguém que dedicou uma vida inteira ao desenvolvimento e ao progresso de Petrolina.

Rafael foi um grande empresário, responsável por importantes empreendimentos em nossa cidade. Por mais de 30 anos, dirigiu o Curtume Moderno, indústria tradicional de nossa cidade, a qual empregou milhares de petrolinenses ao longo das décadas e contribuiu para o desenvolvimento do Vale do São Francisco. Ele foi, portanto, um dos homens que fizeram a transformação de Petrolina, para ser a ‘Terra dos Impossíveis’, um oásis no solo árido do Nordeste.

Acima do empresário de sucesso, Rafael era apaixonado por Petrolina, uma pessoa de bem, simples, humilde e devotado à família. Casado, pai de três filhos, um cidadão de vida exemplar. Rafael é, com toda certeza, um brasileiro honrado que servirá de inspiração para todos nós.

Apesar da imensa dor que todos nós sentimos neste momento, a hora não é só de consternação, mas de enaltecer a trajetória desse grande cidadão, que deixou um legado que honra os petrolinenses.

Nosso mais profundo sentimento de solidariedade a sua esposa Erika, aos filhos Victor, Daniel e Davi. Nosso abraço também a seus pais, a doutor Augusto Coelho e dona Mariza, suas irmãs Genoveva e Gabriela, que choram essa despedida precoce e tão dolorosa.”

Fernando Bezerra Coelho

Fernando Filho

Miguel Coelho

Antonio Coelho

Veja também:

Simão Durando acompanha mobilização emergencial para enfrentamento das chuvas

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O EDITOR
Márcio Didier

Márcio Didier é jornalista, formado pela Universidade Católica de Pernambuco, com passagens pelo Jornal do Comércio, Blog da Folha e assessoria de comunicação

ANUNCIE AQUI
Galeria de Imagens
Mande sua pauta e se cadastre
Enviar via WhatsApp