Projeto Invasão grava clipes em Fernando de Noronha

O Projeto Invasão embarcou para Fernando de Noronha e está realizando, desde essa quinta-feira até o próximo dia 13, durante o Carnaval, a gravação de nove clipes que serão disponibilizados, em breve, nas plataformas digitais. Além do trap, reggaeton e brega funk, os artistas mostram que a música produzida nas comunidades periféricas do Recife pode se integrar perfeitamente ao Carnaval multicultural pernambucano.

No dia 10 de fevereiro, será lançado o videoclipe da música “Vida Louca Revoada” – uma colaboração entre Matheus Perverso, MC Louco e MC Bó do Catarina, gravada em São Paulo.

“Nossa abordagem para a nova versão da música visa capturar a essência da atualidade, elevando a intensidade e sensualidade, demonstrando a diversidade artística que os artistas recifenses possuem. Essa colaboração nos desafiou a transformar um hit já consagrado em uma expressão completamente nova e vibrante, redefinindo assim os limites da nossa criatividade”, diz MC Perverso.

Noronha Vibes

O ponto alto do projeto ocorrerá no dia 16 de fevereiro, com o lançamento da música “Noronha Vibes”, de WK Chefe, disponível em todas as plataformas de música. No dia seguinte, 17 de fevereiro, o videoclipe de “Noronha Vibes” será lançado no YouTube, prometendo trazer uma experiência visual única que captura a essência da ilha paradisíaca.

Ainda no mês de fevereiro, no dia 23, está programado o lançamento da música “Curvas de Noronha”, com a participação de Marck SA. Para encerrar o ciclo, no dia 24, o clipe da música estará disponível no YouTube do projeto, proporcionando aos espectadores uma imersão visual nas belezas de Fernando de Noronha.

Evolução

MC Louco destaca a importância da participação de MC Bó do Catarina no projeto, afirmando que sua presença não apenas adiciona autenticidade à música, mas também valida a evolução e transformação que o funk experimentou ao longo do tempo.

“A vinda de MC Bó do Catarina ao Recife para a gravação do videoclipe é um testemunho do respeito mútuo e admiração entre os artistas, consolidando a colaboração como um marco na cena musical pernambucana”, ressalta MC Louco.

Segundo a empresária e produtora do projeto, Mariana Maciel, a produção dos clipes na ilha tem o objetivo de aproximar e convidar moradores e turistas de Fernando de Noronha a se juntarem a essa celebração musical, mostrando que a diversidade do Carnaval pernambucano pode acolher e destacar as diferentes expressões artísticas, como o trap e outros ritmos.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O EDITOR
Márcio Didier

Márcio Didier é jornalista, formado pela Universidade Católica de Pernambuco, com passagens pelo Jornal do Comércio, Blog da Folha e assessoria de comunicação

ANUNCIE AQUI
Galeria de Imagens
Mande sua pauta e se cadastre
Enviar via WhatsApp